A MyCareforce Brasil agora é
Clicknurse
Profissionais
Gestores

Guia da gestão em enfermagem: importância, carreira e desafios

Publicado em
9/6/2024
Compartilhe
Autores
Comece agora a receber oportunidades de trabalho
Cadastre-se
Compartilhe

A gestão de enfermagem é indispensável em diversos setores da saúde, incluindo clínicas e hospitais, tanto públicos quanto privados, independentemente do foco do atendimento ou do tamanho da instituição.

O gestor dessa área não está envolvido diretamente no atendimento aos pacientes, mas coordena os sistemas que influenciam indiretamente na qualidade do atendimento e no bem-estar dos profissionais envolvidos.

Quer entender mais sobre esse setor e saber quais os principais desafios da gestão em enfermagem? Acompanhe com a MyCareforce!

O que é gestão em enfermagem?

Em termos simples, a "gestão de enfermagem" é a área responsável pelo planejamento, organização, controle e direção das atividades relacionadas à enfermagem.

Isso significa que a gestão de enfermagem busca soluções para melhorar os processos diários de trabalho, levando em consideração as necessidades dos funcionários e pacientes de cada organização. Além disso, ela também lida com a gestão de pessoas, processos, recursos e conhecimentos dentro de clínicas e hospitais.

Para se tornar um gestor de enfermagem, além da graduação em enfermagem ou área relacionada, é necessário buscar especialização em gestão e se manter atualizado em técnicas administrativas e conhecimentos da área de saúde, como explicaremos melhor a seguir.

Quais são os principais tipos de gerência na enfermagem?

Na gestão em enfermagem, diversos aspectos são abordados, como competência técnica, consciência situacional, visão sistêmica e resiliência. Além disso, um bom repertório inclui cuidado centrado na pessoa, foco em sustentabilidade, geração de novos conhecimentos e inovação, além de habilidades de relacionamento interpessoal e colaboração.

O planejamento desempenha um papel crucial na promoção da excelência, coordenando e gerenciando processos, pessoas e recursos de forma eficiente.

É por isso que existem diferentes tipos de gestão em enfermagem, mas um profissional completo consegue entregar uma visão holística do negócio, sem perder o foco no cuidado humano.

O que faz um gestor de enfermagem?

É fato que um gestor de enfermagem desempenha diversas funções importantes para garantir o bom funcionamento de uma unidade de saúde. Algumas das principais responsabilidades incluem:

  • Coordenação da equipe: essa figura é responsável por liderar e coordenar as atividades da equipe de enfermagem, garantindo que todos os profissionais estejam trabalhando de forma eficiente e colaborativa.
  • Planejamento e organização: ele é encarregado de planejar e organizar as atividades diárias da equipe, incluindo a distribuição de tarefas, o gerenciamento de escalas de trabalho e a alocação de recursos.
  • Gestão de recursos: o gestor administra os recursos disponíveis, como materiais, equipamentos e pessoal, garantindo que sejam utilizados de forma eficaz e eficiente.
  • Controle de qualidade: entre suas atribuições, está o monitoramento da qualidade dos serviços prestados pela equipe de enfermagem, implementando padrões e protocolos de atendimento e realizando avaliações periódicas para garantir a excelência no cuidado ao paciente.
  • Desenvolvimento profissional: o gestor é responsável por promover o desenvolvimento profissional da equipe, oferecendo treinamentos, capacitações e oportunidades de aprendizado contínuo.
  • Gerenciamento de conflitos: esse profissional lida com eventuais conflitos ou problemas dentro da equipe, buscando soluções e mediando situações para manter um ambiente de trabalho harmonioso.

Como ser gestor de enfermagem?

Existem várias maneiras de alcançar o cargo de gerente de enfermagem. O primeiro passo é obter graduação na área. Além disso, fazer uma especialização, especialmente em cursos de gestão hospitalar, é crucial para aprofundar conhecimentos.

É importante também ter experiência em gestão para se tornar um gestor. Assim, além de se especializar com uma pós ou mba em gestão em enfermagem , é válido explorar os setores administrativos das instituições de saúde, observando a rotina, tirando dúvidas e desenvolvendo habilidades. Aproveitar oportunidades como workshops, palestras e cursos livres também é essencial para se qualificar e alcançar posições mais altas.

Como mencionado, o gerenciamento em enfermagem é vital para o funcionamento e a qualidade do atendimento em instituições de saúde. No entanto, é necessário percorrer um caminho de construção de carreira, buscando constantemente o aprimoramento para conquistar essa posição.

Além de um bom curso de gestão em enfermagem, pode ser um diferencial possuir algumas das seguintes características:

  • Habilidade de se relacionar com empatia e colaboração;
  • Investimento em autoconhecimento e desenvolvimento pessoal;
  • Abertura para aprender novas habilidades e competências;
  • Conhecimento completo da equipe;
  • Liderança pelo exemplo, não apenas por palavras;
  • Compartilhamento de experiências e aprendizados;
  • Uso de critérios justos na tomada de decisões.

Como está o mercado para gestão em enfermagem?

Atualmente, o mercado da gestão de enfermagem está em constante desenvolvimento. Com o aumento da demanda por serviços de saúde, há uma crescente necessidade de profissionais qualificados para gerenciar equipes de enfermagem e garantir a eficiência e a qualidade dos serviços prestados.

Essa demanda é impulsionada pela busca por uma gestão eficaz dos recursos, pelo aumento da complexidade dos serviços de saúde e pela ênfase na segurança e na experiência do paciente. Além disso, o avanço da tecnologia na área da saúde também tem contribuído para a expansão do mercado, exigindo profissionais capacitados para gerenciar sistemas e processos de forma eficiente.

Nesse contexto, os profissionais que possuem especialização em gestão de enfermagem têm boas oportunidades de emprego em diversos setores, como hospitais, clínicas, instituições de longa permanência, empresas de consultoria em saúde e órgãos governamentais.

Portanto, o mercado da gestão de enfermagem apresenta perspectivas promissoras para aqueles que buscam uma carreira nessa área, oferecendo oportunidades de crescimento profissional e desenvolvimento de habilidades de liderança e gestão.

Gestão em enfermagem: salário e mais

Segundo o site Vagas.com, para quem começa como Gerente de Enfermagem, o salário inicial pode ser de R$ 3.794,00, podendo chegar até R$ 8.000,00. A média salarial para essa posição no Brasil é de aproximadamente R$ 5.329,00. A formação mais comum para ocupar esse cargo é a Graduação em Enfermagem.

Já a plataforma Glassdoor apresenta a média salarial do cargo de Gerente De Enfermagem como sendo de R$ 10.065 por mês.

Quais são as possibilidades de atuação?

O campo de gerenciamento em enfermagem oferece diversas oportunidades profissionais. Por isso, é importante primeiro considerar seus próprios objetivos de carreira para determinar os próximos passos.

As principais áreas de atuação relacionadas incluem:

  • Administração hospitalar: práticas de gestão para garantir o bom funcionamento de organizações de saúde, sejam públicas ou privadas.
  • Gestão de saúde: aborda questões políticas e logísticas para direcionar toda a instituição e seus colaboradores de acordo com a missão e filosofia institucional.
  • Gestão de enfermagem: administra os processos relacionados aos serviços de assistência de enfermagem, coordenando equipes de enfermagem.
  • Gestão em saúde domiciliar: organiza os procedimentos relacionados à assistência à saúde em domicílio.
  • Gestão da estratégia de saúde da família: define medidas para atender com qualidade às necessidades do segmento de Saúde da Família.
  • Gestão empresarial: gerencia todo o negócio, incluindo os setores financeiro, administrativo e logístico.
  • Gestão da qualidade em saúde: visa garantir a qualidade dos atendimentos prestados pelos profissionais da saúde e a satisfação do paciente.
  • Gestão de redes de atenção à saúde: atua principalmente no SUS (Sistema Único de Saúde), promovendo medidas para garantir o acesso de todos à saúde.
  • Gestão da atenção básica: administra processos e promove campanhas para receber os pacientes no atendimento inicial.
  • Gestão de urgências e emergências: coordena as equipes que atuam no atendimento de casos de urgência.
  • Gestão dos resíduos de serviços de saúde: organiza o descarte adequado dos resíduos hospitalares das instituições de saúde.
  • Gestão em hotelaria hospitalar: providencia medidas para garantir o conforto do paciente durante sua estadia na instituição de saúde, principalmente durante a internação.
  • Acreditação hospitalar: avalia a qualidade dos serviços de atendimento à saúde prestados por um estabelecimento.

O gestor de enfermagem e os talentos

No ambiente de saúde, o gestor de enfermagem precisa administrar também as pessoas, o que impacta diretamente na eficácia e qualidade do atendimento aos pacientes.

Sua responsabilidade principal é liderar e gerenciar a equipe de colaboradores e colegas de profissão. Isso inclui entender e atender às necessidades dos pacientes, resolver questões relacionadas ao cuidado, administrar recursos de forma eficiente e fornecer feedback construtivo para promover melhorias contínuas.

Além disso, o gestor orienta a divisão de tarefas, garante períodos de descanso adequados para a equipe, faz a organização de escalas e inclusive, participa das contratações.

A MyCareforce pode transformar sua gestão de pessoas

A Mycareforce simplifica a contratação de enfermeiros para gestores de saúde por meio de uma plataforma online. Nela, os gerentes têm acesso a uma ampla gama de profissionais qualificados, facilitando o preenchimento rápido de oportunidades com diferentes especialidades. Assim, você consegue preencher vagas e plantões com muito mais facilidade.

Além disso, a plataforma torna todo o processo de contratação mais simples e oferece suporte personalizado. Cadastre suas oportunidades na Mycareforce e tenha acesso aos melhores profissionais de enfermagem do Brasil.

/
Text Link

Guia da gestão em enfermagem: importância, carreira e desafios

Você sabe o que é preciso para atuar com gestão em enfermagem? Entenda mais sobre a formação, carreira e atribuições
4
min de leitura
9/6/2024

A gestão de enfermagem é indispensável em diversos setores da saúde, incluindo clínicas e hospitais, tanto públicos quanto privados, independentemente do foco do atendimento ou do tamanho da instituição.

O gestor dessa área não está envolvido diretamente no atendimento aos pacientes, mas coordena os sistemas que influenciam indiretamente na qualidade do atendimento e no bem-estar dos profissionais envolvidos.

Quer entender mais sobre esse setor e saber quais os principais desafios da gestão em enfermagem? Acompanhe com a MyCareforce!

O que é gestão em enfermagem?

Em termos simples, a "gestão de enfermagem" é a área responsável pelo planejamento, organização, controle e direção das atividades relacionadas à enfermagem.

Isso significa que a gestão de enfermagem busca soluções para melhorar os processos diários de trabalho, levando em consideração as necessidades dos funcionários e pacientes de cada organização. Além disso, ela também lida com a gestão de pessoas, processos, recursos e conhecimentos dentro de clínicas e hospitais.

Para se tornar um gestor de enfermagem, além da graduação em enfermagem ou área relacionada, é necessário buscar especialização em gestão e se manter atualizado em técnicas administrativas e conhecimentos da área de saúde, como explicaremos melhor a seguir.

Quais são os principais tipos de gerência na enfermagem?

Na gestão em enfermagem, diversos aspectos são abordados, como competência técnica, consciência situacional, visão sistêmica e resiliência. Além disso, um bom repertório inclui cuidado centrado na pessoa, foco em sustentabilidade, geração de novos conhecimentos e inovação, além de habilidades de relacionamento interpessoal e colaboração.

O planejamento desempenha um papel crucial na promoção da excelência, coordenando e gerenciando processos, pessoas e recursos de forma eficiente.

É por isso que existem diferentes tipos de gestão em enfermagem, mas um profissional completo consegue entregar uma visão holística do negócio, sem perder o foco no cuidado humano.

O que faz um gestor de enfermagem?

É fato que um gestor de enfermagem desempenha diversas funções importantes para garantir o bom funcionamento de uma unidade de saúde. Algumas das principais responsabilidades incluem:

  • Coordenação da equipe: essa figura é responsável por liderar e coordenar as atividades da equipe de enfermagem, garantindo que todos os profissionais estejam trabalhando de forma eficiente e colaborativa.
  • Planejamento e organização: ele é encarregado de planejar e organizar as atividades diárias da equipe, incluindo a distribuição de tarefas, o gerenciamento de escalas de trabalho e a alocação de recursos.
  • Gestão de recursos: o gestor administra os recursos disponíveis, como materiais, equipamentos e pessoal, garantindo que sejam utilizados de forma eficaz e eficiente.
  • Controle de qualidade: entre suas atribuições, está o monitoramento da qualidade dos serviços prestados pela equipe de enfermagem, implementando padrões e protocolos de atendimento e realizando avaliações periódicas para garantir a excelência no cuidado ao paciente.
  • Desenvolvimento profissional: o gestor é responsável por promover o desenvolvimento profissional da equipe, oferecendo treinamentos, capacitações e oportunidades de aprendizado contínuo.
  • Gerenciamento de conflitos: esse profissional lida com eventuais conflitos ou problemas dentro da equipe, buscando soluções e mediando situações para manter um ambiente de trabalho harmonioso.

Como ser gestor de enfermagem?

Existem várias maneiras de alcançar o cargo de gerente de enfermagem. O primeiro passo é obter graduação na área. Além disso, fazer uma especialização, especialmente em cursos de gestão hospitalar, é crucial para aprofundar conhecimentos.

É importante também ter experiência em gestão para se tornar um gestor. Assim, além de se especializar com uma pós ou mba em gestão em enfermagem , é válido explorar os setores administrativos das instituições de saúde, observando a rotina, tirando dúvidas e desenvolvendo habilidades. Aproveitar oportunidades como workshops, palestras e cursos livres também é essencial para se qualificar e alcançar posições mais altas.

Como mencionado, o gerenciamento em enfermagem é vital para o funcionamento e a qualidade do atendimento em instituições de saúde. No entanto, é necessário percorrer um caminho de construção de carreira, buscando constantemente o aprimoramento para conquistar essa posição.

Além de um bom curso de gestão em enfermagem, pode ser um diferencial possuir algumas das seguintes características:

  • Habilidade de se relacionar com empatia e colaboração;
  • Investimento em autoconhecimento e desenvolvimento pessoal;
  • Abertura para aprender novas habilidades e competências;
  • Conhecimento completo da equipe;
  • Liderança pelo exemplo, não apenas por palavras;
  • Compartilhamento de experiências e aprendizados;
  • Uso de critérios justos na tomada de decisões.

Como está o mercado para gestão em enfermagem?

Atualmente, o mercado da gestão de enfermagem está em constante desenvolvimento. Com o aumento da demanda por serviços de saúde, há uma crescente necessidade de profissionais qualificados para gerenciar equipes de enfermagem e garantir a eficiência e a qualidade dos serviços prestados.

Essa demanda é impulsionada pela busca por uma gestão eficaz dos recursos, pelo aumento da complexidade dos serviços de saúde e pela ênfase na segurança e na experiência do paciente. Além disso, o avanço da tecnologia na área da saúde também tem contribuído para a expansão do mercado, exigindo profissionais capacitados para gerenciar sistemas e processos de forma eficiente.

Nesse contexto, os profissionais que possuem especialização em gestão de enfermagem têm boas oportunidades de emprego em diversos setores, como hospitais, clínicas, instituições de longa permanência, empresas de consultoria em saúde e órgãos governamentais.

Portanto, o mercado da gestão de enfermagem apresenta perspectivas promissoras para aqueles que buscam uma carreira nessa área, oferecendo oportunidades de crescimento profissional e desenvolvimento de habilidades de liderança e gestão.

Gestão em enfermagem: salário e mais

Segundo o site Vagas.com, para quem começa como Gerente de Enfermagem, o salário inicial pode ser de R$ 3.794,00, podendo chegar até R$ 8.000,00. A média salarial para essa posição no Brasil é de aproximadamente R$ 5.329,00. A formação mais comum para ocupar esse cargo é a Graduação em Enfermagem.

Já a plataforma Glassdoor apresenta a média salarial do cargo de Gerente De Enfermagem como sendo de R$ 10.065 por mês.

Quais são as possibilidades de atuação?

O campo de gerenciamento em enfermagem oferece diversas oportunidades profissionais. Por isso, é importante primeiro considerar seus próprios objetivos de carreira para determinar os próximos passos.

As principais áreas de atuação relacionadas incluem:

  • Administração hospitalar: práticas de gestão para garantir o bom funcionamento de organizações de saúde, sejam públicas ou privadas.
  • Gestão de saúde: aborda questões políticas e logísticas para direcionar toda a instituição e seus colaboradores de acordo com a missão e filosofia institucional.
  • Gestão de enfermagem: administra os processos relacionados aos serviços de assistência de enfermagem, coordenando equipes de enfermagem.
  • Gestão em saúde domiciliar: organiza os procedimentos relacionados à assistência à saúde em domicílio.
  • Gestão da estratégia de saúde da família: define medidas para atender com qualidade às necessidades do segmento de Saúde da Família.
  • Gestão empresarial: gerencia todo o negócio, incluindo os setores financeiro, administrativo e logístico.
  • Gestão da qualidade em saúde: visa garantir a qualidade dos atendimentos prestados pelos profissionais da saúde e a satisfação do paciente.
  • Gestão de redes de atenção à saúde: atua principalmente no SUS (Sistema Único de Saúde), promovendo medidas para garantir o acesso de todos à saúde.
  • Gestão da atenção básica: administra processos e promove campanhas para receber os pacientes no atendimento inicial.
  • Gestão de urgências e emergências: coordena as equipes que atuam no atendimento de casos de urgência.
  • Gestão dos resíduos de serviços de saúde: organiza o descarte adequado dos resíduos hospitalares das instituições de saúde.
  • Gestão em hotelaria hospitalar: providencia medidas para garantir o conforto do paciente durante sua estadia na instituição de saúde, principalmente durante a internação.
  • Acreditação hospitalar: avalia a qualidade dos serviços de atendimento à saúde prestados por um estabelecimento.

O gestor de enfermagem e os talentos

No ambiente de saúde, o gestor de enfermagem precisa administrar também as pessoas, o que impacta diretamente na eficácia e qualidade do atendimento aos pacientes.

Sua responsabilidade principal é liderar e gerenciar a equipe de colaboradores e colegas de profissão. Isso inclui entender e atender às necessidades dos pacientes, resolver questões relacionadas ao cuidado, administrar recursos de forma eficiente e fornecer feedback construtivo para promover melhorias contínuas.

Além disso, o gestor orienta a divisão de tarefas, garante períodos de descanso adequados para a equipe, faz a organização de escalas e inclusive, participa das contratações.

A MyCareforce pode transformar sua gestão de pessoas

A Mycareforce simplifica a contratação de enfermeiros para gestores de saúde por meio de uma plataforma online. Nela, os gerentes têm acesso a uma ampla gama de profissionais qualificados, facilitando o preenchimento rápido de oportunidades com diferentes especialidades. Assim, você consegue preencher vagas e plantões com muito mais facilidade.

Além disso, a plataforma torna todo o processo de contratação mais simples e oferece suporte personalizado. Cadastre suas oportunidades na Mycareforce e tenha acesso aos melhores profissionais de enfermagem do Brasil.

Pronto para construir a sua equipe?

Para entrarmos em contato precisamos de algumas informações!

* Este formulário é destinado apenas a pessoas interessadas em contratar os serviços da Clicknurse para uma unidade de saúde.

Profissionais que desejam se registrar devem baixar o app Clicknurse→

Aguarde...
Algo deu errado, tente novamente.

Cadastre-se na Clicknurse e comece a receber propostas

Faça scan do QR code para download do app

Baixe agora o nosso App

Selecione a sua loja de aplicativos