Chegamos ao Brasil 🇧🇷
Saia na frente e se destaque fazendo seu cadastro agora

Tipos de enfermagem: entenda as principais áreas de atuação

Publicado em
20/10/2023
Compartilhe
Autores
Comece agora receber oportunidades de trabalho
Cadastre-se
Compartilhe

A enfermagem desempenha um papel fundamental nos cuidados de saúde em todo o mundo. Enfermeiros e enfermeiras são os pilares de suporte que mantêm a qualidade dos serviços de saúde em hospitais, clínicas, e outras instituições. No entanto, a enfermagem não é um campo homogêneo - existem diferentes tipos de enfermagem.

Estamos falando de um setor altamente diversificado e que compreende uma série de especialidades que se adaptam a diferentes ambientes e necessidades de cuidados. Essas especialidades, também conhecidas como tipos de enfermagem, desempenham um papel vital em áreas que vão desde a pediatria até a enfermagem cirúrgica, de forma a proporcionar atenção de alta qualidade aos pacientes.

Essas especialidades não apenas se concentram nas práticas clínicas, mas também incorporam um profundo compromisso com a humanização do atendimento. Enfermeiros e enfermeiras são frequentemente os membros da equipe de saúde que passam mais tempo com os pacientes, proporcionando conforto, informação e apoio emocional em momentos de vulnerabilidade. Além disso, as diferentes ramificações da enfermagem, como a enfermagem obstétrica, a enfermagem geriátrica e a enfermagem de cuidados intensivos, demonstram o quão versátil e abrangente esse campo pode ser, atendendo às necessidades específicas de cada grupo de pacientes.

Neste texto, exploraremos em detalhes os diversos nichos, destacando sua importância nos ambientes hospitalares e de saúde, bem como a especialização exigida em cada uma dessas áreas. Acompanhe!

Quais as áreas que existem na Enfermagem?

A enfermagem é uma profissão diversificada, com várias áreas de especialização. Aqui estão 10 delas, com uma breve descrição de suas funções:

  • Enfermagem médico-cirúrgica: enfermeiros dessa área cuidam de pacientes hospitalizados, fornecendo assistência pré e pós-cirúrgica, gerenciando condições médicas e administrando medicamentos.
  • Enfermagem pediátrica: concentra-se em crianças e adolescentes, fornecendo cuidados especializados que levam em consideração as necessidades únicas dessa faixa etária.
  • Enfermagem obstétrica e ginecológica: enfermeiros obstétricos ajudam mulheres durante a gravidez, parto e pós-parto, enquanto enfermeiros ginecológicos se concentram em saúde reprodutiva feminina.
  • Enfermagem de cuidados intensivos: atua em unidades de terapia intensiva, cuidando de pacientes gravemente doentes, monitorando sinais vitais e administrando terapias complexas.
  • Enfermagem de saúde mental: oferece apoio a pacientes com doenças mentais, ajudando a melhorar sua saúde emocional e psicológica.
  • Enfermagem geriátrica: especializa-se no atendimento a idosos, abordando questões de envelhecimento, saúde e qualidade de vida.
  • Enfermagem de saúde comunitária: enfermeiros trabalham em comunidades para promover a saúde, prevenir doenças e proporcionar cuidados primários.
  • Enfermagem de emergência: atua em departamentos de emergência, tratando pacientes com condições agudas e lesões traumáticas.
  • Enfermagem de reabilitação: ajuda pacientes a recuperar habilidades e independência após lesões ou cirurgias, concentrando-se na reabilitação física e emocional.
  • Enfermagem oncológica: especializada no tratamento de pacientes com câncer, fornecendo suporte, gerenciando efeitos colaterais do tratamento e oferecendo cuidados paliativos.

Essas áreas demonstram a amplitude e a importância da enfermagem na prestação de cuidados de saúde abrangentes e especializados. Cada uma delas desempenha um papel crucial na promoção da saúde e no tratamento de pacientes em diferentes contextos de atendimento.

E ainda existem inúmeras outras, lembrando que todas as áreas da enfermagem são imprescindíveis para o dia-a-dia da população, até mesmo as que não foram citadas acima, como a enfermagem forense, a enfermagem aeroespacial e a enfermagem de resgate, por exemplo. Novas áreas de atuação do enfermeiro surgem conforme novas necessidades vão se apresentando e esse é o curso natural da evolução das especializações!

Qual tipo de Enfermagem ganha mais?

Os salários na área da enfermagem variam de acordo com vários fatores, incluindo localização, nível de experiência e especialização. No entanto, com base em dados disponíveis no site Glassdoor, algumas áreas da enfermagem costumam ter salários mais altos que as demais áreas no geral. Dentre elas, algumas das áreas da enfermagem mais bem pagas são:

  • Enfermagem anestésica (enfermeiro anestesista): enfermeiros anestesistas têm um dos salários mais altos na enfermagem, devido à sua especialização em fornecer anestesia em procedimentos cirúrgicos. Essa especialização exige treinamento avançado.
  • Enfermagem de cuidados intensivos (enfermeiro de UTI): enfermeiros que trabalham em unidades de terapia intensiva, onde cuidam de pacientes gravemente doentes, muitas vezes recebem salários mais altos devido à complexidade e responsabilidade de seu trabalho.
  • Enfermagem em bloco cirúrgico (enfermeiro circulante de sala de cirurgia): Enfermeiros que atuam em salas de cirurgia e auxiliam em procedimentos cirúrgicos também podem ter salários mais elevados devido à natureza especializada de seu trabalho.
  • Enfermagem de geriatria (enfermeiro geriátrico): A enfermagem geriátrica, que se concentra no atendimento a idosos, pode oferecer salários mais altos, especialmente em lares de idosos ou centros de cuidados a longo prazo.
  • Enfermagem de saúde mental (enfermeiro de saúde mental): Enfermeiros de saúde mental que trabalham em unidades psiquiátricas ou instituições de saúde mental podem ganhar salários competitivos devido à natureza especializada de seu trabalho.

Lembre-se de que os salários podem variar significativamente de uma região para outra, e a demanda por certas especialidades também afeta os salários. Além disso, os enfermeiros que possuem educação avançada, como um mestrado em enfermagem, tendem a ganhar mais do que aqueles com níveis de educação mais baixos.

É importante consultar fontes atualizadas e específicas para obter informações precisas sobre salários em uma determinada área geográfica e especialização.

Quais são as especializações em Enfermagem mais procuradas?

A escolha das especializações em Enfermagem pode variar de acordo com as preferências individuais e as demandas do mercado de trabalho. No entanto, algumas especializações têm se destacado em termos de popularidade no Brasil devido à importância e à demanda. As 5 especializações em Enfermagem mais cursadas no Brasil incluem:

  1. Enfermagem de urgência e emergência: devido à crescente necessidade de profissionais preparados para atuar em situações de emergência, a especialização em Enfermagem de Urgência e Emergência é altamente procurada. Esses enfermeiros são treinados para fornecer cuidados imediatos e eficazes em situações críticas.
  2. Enfermagem obstétrica e ginecológica: dada a importância do cuidado pré-natal, durante o parto e pós-parto, a especialização em Enfermagem Obstétrica e Ginecológica é uma escolha popular. Os enfermeiros dessa área desempenham um papel crucial no apoio a mulheres durante a gravidez e o parto.
  3. Enfermagem de saúde mental: o reconhecimento da importância da saúde mental tem impulsionado a procura por enfermeiros especializados nessa área. Eles são treinados para lidar com pacientes com distúrbios psicológicos e emocionais, oferecendo apoio e tratamento.
  4. Enfermagem pediátrica: com a necessidade de cuidados especializados para crianças e adolescentes, a Enfermagem Pediátrica é outra especialização popular. Esses enfermeiros são treinados para atender às necessidades únicas dessa faixa etária.
  5. Enfermagem de terapia intensiva: a demanda contínua por cuidados intensivos em unidades de terapia intensiva faz com que os enfermeiros especializados nessa área sejam essenciais. Eles cuidam de pacientes gravemente doentes e monitoram tratamentos complexos.

Essas especializações refletem a crescente conscientização sobre a importância da enfermagem especializada em diversas áreas da saúde. Elas também representam a resposta às demandas da sociedade por profissionais de enfermagem altamente qualificados em áreas críticas de atendimento.

É importante ressaltar o papel do COREN nesse sentido, pois é através dele que tudo é regulamentado e, para ficar por dentro das oportunidades de mercado em todas essas áreas, você vai precisar da Mycareforce. Lá você tem acesso a vagas e contatos dos mais variados, desde cargos temporários em meio período até vagas integrais efetivas. Entre no nosso site e fique por dentro de tudo e mais um pouco!